Terça-feira, 6 de Setembro de 2011
por João Gomes de Almeida

 

Somos o espelho do nosso país: tentamos esquecer o passado e seguir em frente, com novas políticas, novos protagonistas e novos objectivos. A diferença, substancial por certo, é que nós acreditamos que é possível.

Sabemos que o caminho não é fácil, aliás nunca o foi, mas temos o ónus de cedo termos alertado para o facto de que um fraco líder faria fraca a forte gente. O velho líder fugiu para Paris e nós aqui ficámos, a defender a forte gente - aliás, nunca negámos  sermos o lado negro e sofredor da pátria. A diferença, por certo, é sermos verdadeiramente patriotas.

 

Obrigado por aqui estar e um abraço a todos os amigos. Aos Abrantes deixo um recado: vocês sabem que eu sei que nós sabemos que vocês sabem que o povo não se esquece que foram vocês que colocaram o país no charco. O povo é livre, não se esqueçam.

tags: ,

tiro de João Gomes de Almeida
tiro único | comentar | gosto pois!

7 comentários:
De Ulisses a 6 de Setembro de 2011 às 04:38
Convém também que não te esqueças de Cavaco Silva, Oliveira e Costa, Dias Loureiro e Alberto João.


De Sulista a 6 de Setembro de 2011 às 10:31
O chefe dos Abrantes fugiu mas a cartilha mantém se... tudo o que foi dito ou feito pelo querido líder é esplêndido, tudo o que é ou foi feito pelos outros é levar o país ao abismo, esquecem-se é que foi o seu chefe que levou isto ao buraco e eles aplaudiram de camarote. Já agora para além de criticarem tudo o que diga respeito à direita (mesmo que há 6 meses atrás fosse feito igual ou pior pelo sr eng), não gostam de publicar comentários que não digam ámen à politica que foi seguida pelo grande timoneiro.


De R Cardoso a 6 de Setembro de 2011 às 11:02
Enjoativo este obsessivo regurgitatar.


De valter marques a 6 de Setembro de 2011 às 11:49
é preciso é o povo não esquecer. foram eles, aqueles malandros dos socialistas, é que nos obrigam a estar agora a aumentar impostos. foram eles os canalhas que nos colocaram nesta situação. a forca seria o mínimo para eles.
este post serve apenas para mostrar a incapacidade de que o governo tem em resolver os problemas da governação.
"nós não conseguimos resolver os problemas, mas foram eles os culpados". é esta a mensagem que querem passar, não é?


De Cobarde a 6 de Setembro de 2011 às 17:58
Os que sairam puseram o país no charco; os que agora mandam estão a tratá-lo com o síndroma da China.


De Cobarde a 6 de Setembro de 2011 às 18:14
Parabéns o Pau Para Toda A Obra já faz parte do recheio do Forte. Abraço aos autores.


De Navajo Knows a 7 de Setembro de 2011 às 00:09
Este post é uma relíquia. O estilo camoniano ("Nesta terra em que Camões morreu de fome e tantos enchem a barriga com Camões") a par com a vulgar 'trauliteirice' e patriotismo serôdio da direita cavernícola deixou-me achatado no charco. Que poder de argumentação! Que humildade filosófica! Os srs. prometem. Que não lhes falte o miolo e a pena.


comentar tiro

Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds