Quinta-feira, 25 de Julho de 2013
por Pedro Correia

«A demissão de Paulo Portas vem acabar de uma vez por todas com a possibilidade de este Governo prosseguir.»

«Pedro Passos Coelho deve demitir-se de presidente do PSD pois não tem condições de liderar o partido nas próximas legislativas [que devem ser marcadas para o dia das autárquicas].»

António Capucho, TVI 24, 2 de Julho

 

«O Governo já estava moribundo. A demissão de Paulo Portas é a estocada final. O Presidente da República deve convocar eleições para a mesma data das autárquicas.»

António Capucho, SIC Notícias, 2 de Julho

 

«O Governo já estava moribundo. Agora está ferido de morte, com a estocada final. Ou o primeiro-ministro é completamente irresponsável ou não percebe, de facto, que não tem condições para governar.»

«Passos Coelho não pode permanecer na liderança do PSD: deve demitir-se e convocar um congresso eleitoral.»

António Capucho, RTP i, 2 de Julho

 

«O Governo está neste momento muito coeso e unido, e a respirar fundo com esta nova dinâmica, porque o PSD tem no Parlamento um conjunto de deputados escolhidos a dedo por Passos Coelho e que se comportam muito bem e disciplinadamente.»

António Capucho, SIC Notícias, 24 de Julho


tiro de Pedro Correia
tiro único | comentar | ver comentários (1) | gosto pois!

Segunda-feira, 22 de Julho de 2013
por Pedro Correia

{#emotions_dlg.angry}

análise política (parte 1)

a política portuguesa está transformada num conjunto de declarações hipócritas e carregada de promessas vãs. os deputados dão diariamente um espectáculo deplorável ao país com divergências e incompatibilidades que não conduzem a lado nenhum. o governo está morto só falta fazerem-lhe o funeral e é bom que isso aconteça rapidamente porque já não se aguenta o mau cheiro. as sucessivas trapalhadas condenaram o executivo ao fracasso ao ponto de todos sentirmos muitas saudades do santana lopes. ninguém percebe por que motivo o primeiro-ministro ainda não se demitiu. os políticos não conseguem apresentar uma solução coerente aos cidadãos. o presidente da república é um incapaz. enterrou o governo mas já se percebeu que não tem nada para dizer. ninguém percebe por que motivo o presidente da república ainda não se demitiu. ele e os outros todos só são capazes de fazer jogos florais. todos os partidos chegaram a um estado de degradação lamentável. a oposição também é péssima. a política falhou. a classe política enlouqueceu. ninguém percebe por que motivo os líderes dos partidos da oposição ainda não se demitiram. não há soluções boas nem más. agora só há soluções péssimas. o país já foi ao fundo.

salve-se quem puder.

{#emotions_dlg.brrrpt}

análise política (parte 2)

os políticos não conseguem apresentar uma solução coerente aos cidadãos. o presidente da república é um incapaz. enterrou o governo mas já se percebeu que não tem nada para dizer. ninguém percebe por que motivo o presidente da república ainda não se demitiu. ele e os outros todos só são capazes de fazer jogos florais. todos os partidos chegaram a um estado de degradação lamentável. a oposição também é péssima. a política falhou. a classe política enlouqueceu. ninguém percebe por que motivo os líderes dos partidos da oposição ainda não se demitiram. não há soluções boas nem más. agora só há soluções péssimas. o país já foi ao fundo. a política portuguesa está transformada num conjunto de declarações hipócritas e carregada de promessas vãs. os deputados dão diariamente um espectáculo deplorável ao país com divergências e incompatibilidades que não conduzem a lado nenhum. o governo está morto só falta fazerem-lhe o funeral e é bom que isso aconteça rapidamente porque já não se aguenta o mau cheiro. ninguém percebe por que motivo o primeiro-ministro ainda não se demitiu. as sucessivas trapalhadas condenaram o executivo ao fracasso ao ponto de todos sentirmos muitas saudades do santana lopes.

salve-se quem puder.

{#emotions_dlg.ninja}

análise política (parte 3)

ninguém percebe por que motivo o primeiro-ministro ainda não se demitiu. as sucessivas trapalhadas condenaram o executivo ao fracasso ao ponto de todos sentirmos muitas saudades do santana lopes. os políticos não conseguem apresentar uma solução coerente aos cidadãos. o presidente da república é um incapaz. enterrou o governo mas já se percebeu que não tem nada para dizer. ninguém percebe por que motivo o presidente da república ainda não se demitiu. ele e os outros todos só são capazes de fazer jogos florais. todos os partidos chegaram a um estado de degradação lamentável. a oposição também é péssima. a política falhou. a classe política enlouqueceu. ninguém percebe por que motivo os líderes dos partidos da oposição ainda não se demitiram. não há soluções boas nem más. agora só há soluções péssimas. o país já foi ao fundo. a política portuguesa está transformada num conjunto de declarações hipócritas e carregada de promessas vãs. os deputados dão diariamente um espectáculo deplorável ao país com divergências e incompatibilidades que não conduzem a lado nenhum. o governo está morto só falta fazerem-lhe o funeral e é bom que isso aconteça rapidamente porque já não se aguenta o mau cheiro.

salve-se quem puder.


tiro de Pedro Correia
tiro único | comentar | gosto pois!

Terça-feira, 4 de Dezembro de 2012
por Alexandre Poço

1 ano e meio depois:

 

- Miguel Relvas continua como ministro.

- Álvaro Santos Pereira é dos ministros mais fortes.

- Não somos a Grécia.

 

Agora lembrem-se daquilo que era dito pelos comentadores por alturas do Verão de 2011. A Maya que não se ponha a pau, pois a astrologia é uma área com muito mercado em Portugal. Siga a festa!


tiro de Alexandre Poço
tiro único | comentar | ver comentários (1) | gosto pois!

Segunda-feira, 5 de Novembro de 2012
por Rui C Pinto

Acabei de ouvir Clara de Sousa interpelar Miguel Sousa Tavares, no habitual comentário do Jornal da Sic, a comentar o facto de não se ter ouvido falar da Europa na campanha presidencial norte-americana. Miguel Sousa Tavares, que joga a ponta de lança nisto do comentário político, isto é, vai a todas e remata sempre à baliza, tomou balanço na ignorância da jornalista e, sem pestanejar quanto à veracidade do facto, debitou meia dúzia de frases que disseram absolutamente nada de substantivo.

 

Ora, eu não sei se Miguel Sousa Tavares viu, ou não, os debates televisivos entre os candidatos à Casa Branca. Sei que, das duas uma, ou não viu e faz um péssimo trabalho ao debitar comentário desinformado, traduzindo em português escorreito, ao mandar postas de pescada sem fazer puto do que está a dizer; ou viu e está-se nas tintas porque está lá para ganhar o dele que a vida está má para todos e o Shis não facilita fiado. 


tiro de Rui C Pinto
tiro único | comentar | ver comentários (2) | gosto pois!

Domingo, 29 de Julho de 2012
por Pedro Correia

 

Medina Carreira. A larga distância de todos os outros.


tiro de Pedro Correia
tiro único | comentar | gosto pois!

Quinta-feira, 12 de Julho de 2012
por Pedro Correia

Três socialistas que vale a pena ler na imprensa e ouvir na televisão: Francisco Assis, José Medeiros Ferreira e Manuel Maria Carrilho. Todos se distinguem da chilreada dominante.


tiro de Pedro Correia
tiro único | comentar | ver comentários (2) | gosto pois!

Terça-feira, 6 de Março de 2012
por jfd

A orgia e satisfação que se passam pela TV, rádio e jornais por terem mais um assunto em que falar e opinar, convidando todo e mais algum perito em tudo e mais alguma coisa a opinar, só demonstra que de facto este Governo está no caminho certo. Quando o assunto do dia é este, perante tanto esforço, trabalho e urgência que nos rodeia, só me apetece questionar onde estará o tino desta gente.


tiro de jfd
tiro único | comentar | ver comentários (2) | gosto pois!

Terça-feira, 10 de Janeiro de 2012
por jfd

Como não há nada importante para falar ou tratar, este é o caso do momento.

O CEO veio falar da escolha. Hoje o DE clarifica. Mas mesmo assim, os pundits do costume vêm dizer que o silêncio do PM é clarificador.

Clarificador de quê seus iluminados?

Clarificador de um Governo que não interfere no governance de uma empresa?

Agora não sejamos ingénuos, os nomes são os mesmos de sempre? Pois são. A natureza tratará de renovar a pool de escolhas possíveis. É dar tempo ao tempo, afinal não é em pouco mais de seis meses que se altera um Portugal com vícios de décadas. Mesmo com, finalmente!, um Governo que tem ideologia e não tem medo de dizer quem é e ao que veio.


tiro de jfd
tiro único | comentar | ver comentários (2) | gosto pois!


Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
2 comentários
2 comentários
2 comentários
2 comentários
1 comentário
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds