Domingo, 13 de Novembro de 2011
por Ricardo Vicente

Berlusconi foi eleito pelos italianos. Eleito. E por mais do que uma vez. Há uma grande, grande onda de hipocrisia a perpassar toda a Itália nestas horas em que se celebra a saída de Berlusconi. Li no Facebook que Berlusconi era um jogador. Pois era e é mas está muito longe de ser o maior gambler ou o que mais determina, neste momento, o destino da União Europeia.

 

Esta onda anti-Berlusconi que se estende e se faz celebrar em tantos outros países da Europa lembra-me o quanto os europeus adoram odiar os políticos americanos [em especial os da direita (?)] ao mesmo tempo que poupam e protegem olimpicamente os líderes em que eles próprios votam e que elegem.

 

Neste momento, os big gamblers da Europa não são nem Berlusconi, nem os mercados, nem o Obama, nem os chineses (que já começam a ser uma espécie de novos judeus: não há dia em que não oiça um europeu criticá-los). Os verdadeiros big gamblers da Europa são Sarkozy e Merkel.

 

Soluções verdadeiras para a crise têm sido e continuarão a ser adiadas até depois das eleições na França e na Alemanha tudo porque aqueles dois têm medo de que, se implementarem agora as medidas necessárias para travar a crise, não consigam ser reeleitos.

 

Mas okay, em vez de se falar em Sarkozy e Merkel (e, já agora, Putin/Medvedev e Medvedev/Putin), embora lá continuar a dizer que o Berluconi era um jogador e que o povo italiano nunca teve nada a ver com o assunto Berlusconi.

 

P.S.: A propósito do tópico italiano, ler e compreender este excelente post do melhor blogger português (que, por acaso, não escreve em nenhum blog mas sim em papel).

Berlusconi was elected by Italians. ELECTED. More than one time. There's a big, big hipocrisy going on in Italy these days. As for gambling, Berlusconi is far from being the one who gambles the most. This Berlusconi thing reminds me how Europeans love to hate American leaders while sparing the leaders they themselves (Europeans) vote for and elect. At present, the big gamblers in Europe are Sarkozy and Merkel. True solutions to the crisis are being postponed until after the elections in France and Germany because those two are afraid that, in case they implement the necessary measures, they won't be reelected. But okay, instead of talking about Sarkozy and Merkel let's keep saying that (1) Berlusconi is a gambler and (2) Italian people itself has nothing to do with him.


tiro de Ricardo Vicente
tiro único | gosto pois!

De Tó Zé a 13 de Novembro de 2011 às 16:34
Gostaria de comentar esta pouco brilhante intervenção por falar de uma organização relativamente conhecida no mundo que atualmente controla grande parte da alta finança na Europa e nos EUA, organização essa conhecida por máfia. É certo que para tomar decisões não basta ser a terceira economia europeia, também se deve ter uma organização poderosa por trás. Infelizmente, quando há algumas décadas atrás a itália era o unico país da Europa Ocidental com um regime comunista, várias instituições entre as quais o Vaticano, a máfia, a maçonaria, e o governo de uma grande potência tentaram fazer uma conspiração para derrubar o poder em Itália, é também necessário dizer que um dos presentes nessa reunião era Berlusconi, e que esse homem é hoje um dos políticos mais influentes da Europa.
Gostaria igualmente de comentar a sua intervenção sobre as críticas sem fundamento aos políticos norteamericanos. Políticos esses que deixam desaparecer nalgumas empresas os fundos de pensões dos quadros médios e baixos mantendo apenas os dos executivos (apoio vivamente um livro sobre este tema lançado à uns meses atrás), políticos que permitem a falência de bancos em prole do liberalismo económico, políticos que permitem que dez milhões de pessoas não tenham acesso à saúde, porque não têm seguro, uma vez que são poucos os estados que aderiram ao sistema de saúde público.
Para terminar acho que substimar o poder de Itália dentro do sistema financeiro mundial é estar a menosprezar o maior poder económico da Europa, que como foi dito anteriormente é a máfia.


Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds