Terça-feira, 17 de Janeiro de 2012
por jfd

De um partido renascido cuja memória tem apenas seis meses e picos, ao menos esperar-se-ia um pouco mais não?

 

Um recuo na questão da meia hora a todo o sector privado prova-se que era um erro e prova-se que o Partido Socialista tinha razão


tiro de jfd
tiro único | comentar | gosto pois!

5 comentários:
De k. a 17 de Janeiro de 2012 às 18:38
Esperar-se-ia mais que estar certo? o.O


De jfd a 18 de Janeiro de 2012 às 12:20
Propostas!
Algo que acrescente valor ao que já existe.
Isso era o que eu esperaria!


De Eduardo Saraiva a 18 de Janeiro de 2012 às 22:48
Miguel Laranjeiro, secretário nacional do PS, garante que vai "estar mais atento à aplicação do acordo".
Sem perder o "olhar" pelo acordo, não seria mais vantajoso que estivesse mais atento ao seu grupo parlamentar?


De jfd a 19 de Janeiro de 2012 às 10:33
Eu diria, se me permite, aos seus grupos parlamentares (dentro do grupo)!


De Eduardo Saraiva a 19 de Janeiro de 2012 às 15:07
Concordo e "reescrevo":
Ao seus três grupos parlamentares os "Seguros"; os "Socráticos" e os "Independentes" (estão a ver para onde aquilo cai).



comentar tiro

Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds