Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Forte Apache

Guiné-Bissau: tudo adiado para a segunda volta

Sónia Ferreira, 22.03.12

Os candidatos às eleições presidenciais de domingo na Guiné-Bissau Carlos Gomes Júnior e Kumba Ialá vão disputar uma segunda volta em 22 de Abril.

Carlos Gomes Júnior obteve 48,97 por cento dos votos e Kumba Ialá 23,36 por cento. Em terceiro lugar ficou Serifo Nhamadjo, com 15,75 por cento. Em quarto, Henrique Rosa, com 5,40 por cento, seguindo-se Baciro Djá (3,26 por cento), Vicente Fernandes (1,4 por cento), Afonso Té (1,38 por cento), Serifo Baldé (0,46 por cento) e Luís Nancassa (0,37 por cento).

O representante de Kumba Ialá pediu a anulação do escrutínio e a consequente realização de um novo recenseamento de raiz dos eleitores.

Serifo Nhamadjo, Henrique Rosa, Serifo Baldé, Afonso Té e Kumba Ialá, alegam ter ocorrido fraude generalizada e actos de corrupção durante as eleições.

Cerca de metade dos guineenses inscritos nos cadernos eleitorais não votaram nas eleições presidenciais, no que constitui a mais alta taxa de abstenção, cerca de 45 por cento,  alguma vez vista nas eleições na Guiné-Bissau.

A candidatura de Carlos Gomes Júnior às presidenciais de domingo na Guiné-Bissau esperava obter melhor resultado, mas diz-se pronta para ir à segunda volta com Kumba Ialá, pedindo mais participação dos eleitores.