Segunda-feira, 9 de Abril de 2012
por Rodrigo Saraiva

Imaginemos que um político do chamado "arco governativo" defendia a manutenção de um organismo público. Um organismo cuja manutenção não se justificava, quer por os custos serem elevados, como por a sua estrutura ser pesada ou por já não ter procura suficiente, existindo um organismo na mesma zona que dá resposta às necessidades.

 

Agora a isto somamos que a certa altura se descobre que a mulher desse político trabalha nesse organismo. E, apenas mais um ligeiro pormenor, que a mulher e o político residem bem perto desse organismo.

 

é fácil imaginar as parangonas em jornais e as vozes da oposição da esquerda radical, certo?

 

Pensemos nisto quando ouvirmos algumas críticas ao encerramento da Maternidade Alfredo da Costa.


tiro de Rodrigo Saraiva
tiro único | comentar | gosto pois!

Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds