Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Forte Apache

Metro II

jfd, 21.05.12

Infelizmente amanhã, encontros como o descrito anteriormente pelo João Gomes de Almeida, só bem depois das 10 da manhã.

Estes trabalhadores continuam fixados nas suas greves paralisadoras de uma cidade e de trabalhadores que, ao contrário deles, nada puderam fazer contra os tais cortes brutais de que se queixam.

Gostaria muito de ter acesso às condições do antes e do depois destes trabalhadores, mas não tendo leitura fidedigna dos dados não me arrisco a utilizar o que vejo em caixas de comentários.

Não vejo o que se ganha com este tipo de luta, com a confrontação e com a limitação da utilização de serviços básicos e essenciais a cidadãos que os pagam. Ainda por cima quando as ondas de choque destas acções atingem muito mais que a cidade de Lisboa fazendo Portugal inteiro pagar pelas questões destes senhores.

Auto-europa, meus caros, Auto-europa...

3 comentários

  • Imagem de perfil

    jfd 21.05.2012

    Exemplo de negociação entre trabalhadores e patronato para o bem comum.
    Esclarecido?
  • Imagem de perfil

    Tó Zé 22.05.2012

    Se calhar a Autoeuropa é gerida por executivos inteligentes, competentes e pouco nacionais. Por mais que me custe, o Metro é gerido por gestores portugueses, competentes (como se denota no BPN antes da nacionalização), inteligentes (como se denota no professor de economia Cavaco Silva que não consegue pagar as contas com 10000€ de reforma).
    A diferença é que na Autoeuropa as greves, a existirem são vistas como prujediciais, no metro, são vistas como menos um dia de ordenado para pagar. Se calhar, na Autoeuropa ouvem-se os sindicatos, no metro nem vale a pena lá estarem, a decisão está tomada quer os trabalhadores gostem quer não.

    P.S. - Para quem não sabe, a falta de qualidade dos horários do metro não se deve aos trabalhadores, deve-se aos gestores, só para esclarecer antes que tentem atacar a greve com esse usual argumento.
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.