Terça-feira, 14 de Agosto de 2012
por Carlos Faria

Todos sabemos que Portugal está a pagar uma fatura com custos elevadíssimos dos graves erros da gestão económica dos últimos anos, onde o PS tem grandes culpas que se recusa a assumir, sendo o desemprego uma consequência gravosa na economia nacional e extremamente dolorosa para a sociedade, pois compromete o bem estar de muitas pessoas inocentes e a força de muitos cidadãos cheios de capacidades.

O PS exige medidas do governo para combate ao desemprego, mas se retirarmos aquelas que colocaram o País à beira da bancarrota, não se conhece nenhuma proposta consistente vinda dos socialistas na oposição.

Enquanto isto, os Açores, a única região que ainda é governada pelo PS em Portugal, é aquela que nos dados mais recentes teve o maior aumento da taxa de desemprego e este já está cima da média nacional.

Convém por isso avisar Seguro que, embora o discurso socialista seja agradável, César prova no terreno que a receita socialista continua a ser a que dá piores resultados práticos.


tiro de Carlos Faria
tiro único | comentar | gosto pois!

7 comentários:
De makarana a 14 de Agosto de 2012 às 22:31
não quer que lhe diga como é que passados 34 anos a madeira está não quer?Socialista são aqueles que aumentam impostos sem topo


De Carlos Faria a 14 de Agosto de 2012 às 22:40
Pode dizer à vontade, isso não invalida que os Açores tenham tido o maior aumento na taxa de desemprego, nem o facto da intervenção política excessiva do poder na economia ser uma tática socialista e pior se agravadas com teias que levam décadas a tecer.


De makarana a 15 de Agosto de 2012 às 02:12
Pode dizer à vontade, isso não invalida que os Açores tenham tido o maior aumento na taxa de desemprego, nem o facto da intervenção política excessiva do poder na economia ser uma tática socialista e pior se agravadas com teias que levam décadas a tecer.

Pois não , mas também não invalida o facto de outros partidos que não o ps fazerem bem pior onde governam, e de não terem projecto alternativo, o exemplo madeirense está ai á vista .E a ideologia do proprio sá carneiro era muito proxima do socialismo.


De Carlos Faria a 15 de Agosto de 2012 às 12:02
Claro que a ideologia de Sá Carneiro era mesmo social democrata típica da escandinávia, não o estilo indeciso de soares entre comunistas e socialismo do sul da europa (ler o censurado rui mateus) ou a desgraça socrática... infelizmente no PSD houve também adeptos do bloco central por se reverem nestes defeitos de que Seguro parece ter ficado refém (infelizmente também).


De makarana a 15 de Agosto de 2012 às 13:28
"não o estilo indeciso de soares entre comunistas e socialismo do sul da europa (ler o censurado rui mateus) ou a desgraça socrática... "

Duvido que laguem que tenha dito numa determinda altura da sua vida, que metia o socialismo na gaveta, e que governou até com uma certa moderação.E a verdade é que se sócrates manteve-se no poder, nao foi a custa da sua esquerda, mas foi á custa de muito votante da direita,inlcuindo porque não, militantes do psd ou do cds.
Não digo que tenha cometido muitos erros, mas fez algumas reformas, com a da saude e da educação, que a propria direita estava a contestá-las


De Carlos Faria a 15 de Agosto de 2012 às 14:30
Apanhou votos da esquerda gananciosa de benefícios a curto prazo, à direita de oportunista e ainda de incautos de todos os lados, bem como de convictos socialistas (no bom e mau sentido) e manteve-se no poder também à custa de votos à sua esquerda sim senhor. Não lave daí as mãos da esquerda, mãos sujas que se dizem limpas enojam-me.
Eu faço um balanço negativo da governação socrática, mas jamais disse que só cometeu erros e só fez coisas corruptas, mas a provar o saldo negativo apresento em bandeja a vinda da troika, algo que eu já previa anos antes da vinda face ao caminho que levávamos e tão evidente nas legislativas de 2009.


De makarana a 15 de Agosto de 2012 às 20:17
Apanhou votos da esquerda gananciosa de benefícios a curto prazo, à direita de oportunista e ainda de incautos de todos os lados, bem como de convictos socialistas (no bom e mau sentido) e manteve-se no poder também à custa de votos à sua esquerda sim senhor. Não lave daí as mãos da esquerda, mãos sujas que se dizem limpas enojam-me"´
Lamento dize-lo, mas se sócrates se aguentou 6 anos no poder, deveu-se ao descredito do psd numa determinada altura, que numa legislatura apanhou 3 lideres,e também porque sócrates governou com um ideário centrista e social liberal que mais do que da esquerda, mais fazem parte da área do psd.Digamos que o ps ao longo dests anos cortou muito espaço á nosa direita.Repare também no aumento da votação no be nas europeias e na legislativas de 2009.Sócrates reformou a saude, a educação, reformas que o psd e o cds alinharam junto dos sindicatos e do pcp, portanto isso desmente esse mito da direita responsavel e da esquerda imobilista

"Eu faço um balanço negativo da governação socrática, mas jamais disse que só cometeu erros e só fez coisas corruptas, mas a provar o saldo negativo apresento em bandeja a vinda da troika, algo que eu já previa anos antes da vinda face ao caminho que levávamos e tão evidente nas legislativas de 2009."
Outro mito: de 2005 a 2007, o ps baixou o defice de 6,5 para perto de 3%, e se quiser, verifique a pordata , porque estes dados estão lá.Depois como sabe veio a crise internacional, e todos os paises incluindo alemanha aumentaram a despesa.E o psd votou contra um programa de estabilidade e crescimento que no essencial até concordava.Mas o poder sabe bem não é carlos?Depois desse chumbo é que tivemos de chamar o fmi.




comentar tiro

Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds