Segunda-feira, 24 de Setembro de 2012
por Francisca Prieto

“...então, o Lobo Mau vestiu as roupas da avózinha e prendeu-a no armário” (...blá, blá, blá...) “depois, o Caçador entrou, o Lobo fugiu a correr de camisa de noite, e o Capuchinho destrancou o armário onde estava a avó sozinha, triste, cansada....(intervém Rita Prieto de olhos esbugalhados)...E NUA”.


tiro de Francisca Prieto
tiro único | gosto pois!

De xico a 24 de Setembro de 2012 às 20:58
Teve piada. Mas não gostei da eliminação do lobo comer o capuchinho vermelho. Afinal toda a história só existe para essa finalidade. Trata-se de um conto iniciático: O lobo que quer comer, e a menina que quer ser comida. A avózinha? Olhe que continue nua no armário.
E o caçador pareceu-me um fiscal da ASAE.
Não havia necessidade...
Parece-me que a Rita Prieto foi a única que percebeu o jogo erótico deste conto, que querem estragar. )):


De Francisca Prieto a 25 de Setembro de 2012 às 10:21
, caro homónimo.


Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds