Sábado, 8 de Outubro de 2011
por Pedro Correia

O anúncio de Carlos César, feito a 48 horas das eleições regionais na Madeira, garantindo que não se recandidatará ao cargo de presidente do Governo açoriano assinala o regresso da arte florentina aos palcos da política portuguesa. Um regresso que é naturalmente de saudar.


tiro de Pedro Correia
tiro único | comentar | gosto pois!

1 comentário:
De weber a 9 de Outubro de 2011 às 11:37
Caro Pedro,
Troco esta declaração de não candidatura, que, pode, admito-o, ter sido utilizada, no tempo, para "macular" o apego ao poder do colega da Madeira, pelo discurso do Professor Cavaco Silva, na última tomada de posse presidencial, que, esse sim, funcionou, no puro estilo florentino...como a estocada fatal em Sócrates.
Abraço.


comentar tiro

Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds