Quarta-feira, 24 de Outubro de 2012
por Maurício Barra

A proposta do Governo que reduz 42 euros ao valor mínimo do subsídio de desemprego, se é para ser retirada em negociação, nunca deveria ser apresentada.

Isto não é política.

É sadismo.

Ou melhor, sado-masoquismo : sadismo a dar tiros nos pés.


tiro de Maurício Barra
tiro único | comentar | gosto pois!

3 comentários:
De eirinhas a 24 de Outubro de 2012 às 11:17
Isto tem um nome:imcompetência.E incompetência porquê? Porque os capazes de governar com eficácia não querem assumir essas responsabilidades e,alguns dos que sabem e querem,não são aproveitados porque não têm jeito para a festa nem para aldrabar.


De 1berto a 24 de Outubro de 2012 às 14:32
Não é nem sadismo nem incompetência.
Atira-se o valor, faz-se o negócio com os parceiros, e em vez de 42 euros fica-se pelos 30. O pagode que berrou descansa "pôrra, afinal não é assim tanto!", o governo rejubila porque era esse o valor escondido na manga, a UGT diz que foi graças ao seu poder negocial...

Isto não é política. É a arte da chico-espertice.


De Rural a 24 de Outubro de 2012 às 16:08
Queres Dez? para queres 5?toma 2 e divide contigo e com teu irmão


comentar tiro

Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds