Quinta-feira, 25 de Outubro de 2012
por Sérgio Azevedo


O PS, o partido que congelou as pensões mínimas de reforma, vem hoje em plenário, pela voz de Sónia Fertuzinhos, apelar à decência. Não podia concordar mais. Se houvesse decência, metade da bancada parlamentar do PS tinha que renunciar ao mandato, pois foram eles que nos trouxeram até aqui com a sua decência como governantes.



tiro de Sérgio Azevedo
tiro único | gosto pois!

De Marão a 25 de Outubro de 2012 às 21:48
A Senhora deputada está cheia de razão no apelo à decência. Como o exercício da caridade bem exercida começa na própria casa, é na limpeza do próprio sotão que seguramente se vai aplicar.


Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds