Quarta-feira, 6 de Fevereiro de 2013
por Alexandre Poço

1 - "Não lhe reconheço a si nem a ninguém o monopólio da sensibilidade social ou da propriedade da verdade. Isso revela da sua parte um espirito da Inquisição em que as pessoas eram condenadas por crime de opinião. E portanto eu vou continuar a usufruir da liberdade de que beneficio e a sra. Deputada também."


2 - "E não sei porque se emociona tanto com a minha remuneração e não com a de um treinador do Benfica que ganha não sei quantas vezes mais do que eu? Se calhar porque isso afectaria os seus votos. Mas eu, como não sou de nenhum partido, sou um alvo fácil."


3 - "Ao contrário da senhora deputada, eu tenho alguma experiência na criação de postos de trabalho. Não pense que é só com medidas macro económicas que vamos conseguir reduzir o desemprego. Não são só as PME que vão reduzir desemprego. Para criar emprego não é preciso ter só dinheiro: é preciso ter organização e capacidade para criar projectos para as pessoas. E o BPI tem essa capacidade. Tal como a PT, ou a Zon ou tantas outras grandes empresas."


Fernando Ulrich, Presidente do BPI na Comissão Parlamentar de Orçamento e Finanças, dia 5 de Fevereiro de 2013.


tiro de Alexandre Poço
tiro único | gosto pois!

De Ajom Moguro a 6 de Fevereiro de 2013 às 10:06
Quiseram enxovalhar o homem, levaram na corneta. Para marcar firme posição não é preciso tentar humilhar quem vai responder perante os deputados. Só espectáculo para sair na televisão. Garambas , tristes figuras!


Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds