Segunda-feira, 17 de Outubro de 2011
por Pedro M Froufe

Bom dia. Em rigor, não tenho bem a certeza que, nos tempos que correm, se possa dizer isso, pensada e fundamentadamente....

 

Uma questão: o que vale uma Constituição em tempos de crise? Mais concretamente, o que vale a nossa Constituição, nos "tempos interessantes"  que, actualmente, se vivem em Portugal (e não só)?

 

Vem isto a propósito de algumas discussões (dessa subespécie de juristas denominados constitucionalistas) que tenho tido a oportunidade de acompanhar, sobre o princípio da proibição do retrocesso social .


tiro de Pedro M Froufe
tiro único | comentar | gosto pois!

3 comentários:
De Ricardo Vicente a 17 de Outubro de 2011 às 12:56
Razão de ordem: boas-vindas; uma acha para a fogueira.

1. Bem-vindo!

2. "Retrocesso social" ou correcção do welfare state para níveis compatíveis com a riqueza que PRODUZIMOS e de acordo com regras de sustentabilidade minimamente prudentes?


De Rodrigo Saraiva a 17 de Outubro de 2011 às 15:10
uma entrada a dois pés :)

venham mais tiros.


De Pedro Correia a 17 de Outubro de 2011 às 21:16
Bem-vindo, Pedro. Um abraço.


comentar tiro

Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds