Sexta-feira, 5 de Abril de 2013
por Fernando Moreira de Sá

Na hora em que todos (ou quase) se juntam no largo da aldeia a atirar pedras, deixo aqui uma pequena citação do discurso de despedida de Miguel Relvas:

Tenho a plena consciência do preço que paguei ao longo destes anos, das críticas que me dirigiram e, quero dizê-lo sem rodeios, das razões que por vezes lhes assistiam, do julgamento negativo que muitas vezes foi feito quanto à minha participação ou desempenho no governo e, sobretudo, da incompreensão quanto às minhas reais motivações que apenas foram, são e serão servir o meu país.

Não se limitou a falar do que fez. Não lamentou. Não entrou em choradinhos. Foi claro, sincero e assumiu erros. Coisa tão rara na política. Coisa tão rara em Portugal. Agora que Miguel Relvas se demitiu, pode ser que o deixem em paz. Mesmo não concordando com tudo, mesmo considerando que nas críticas que lhe fiz (Regionalização, não fusão de municípios, omissão na CCDRN e RTP-Porto) a razão estava (em meu entender) do meu lado da barricada, não posso deixar de lhe enviar um grande abraço e lhe desejar que seja feliz. Sim, que seja feliz, coisa que hoje, na política, é incompatível. 

 

Além disso, eu tenho memória.


tiro de Fernando Moreira de Sá
tiro único | gosto pois!

De O Autor a 5 de Abril de 2013 às 09:22
Caro Fernando, com o devido respeito, mas não vejo ali nenhuma assunção de erro (pelo menos, sem rodeios, ou inequívoca. O preposição "das" (razões) poderia ser substituída por "relativamente a". No meu, porventura limitado, português, MR diz que, relativamente às criticas que lhe fizeram, quer apenas dizer, sem rodeios, que apenas quis servir o país, nós todos. E, agora sim, não sem ironia, eu apenas digo a MR: "Nós sabemos, Miguel. Obrigado. Snif!"

O Autor
Antologia e Ideias
blog: http://antologiadeideias.wordpress.com/
facebook: https://www.facebook.com/antologiadeideias.wordpress
e-mail: antologia.wordpress@gmail.com


Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds