Terça-feira, 29 de Maio de 2012
por João Espinho

foto: joão espinho

 

Dizem que o aeroporto de Beja é um elefante (pequeno) branco.

Mas, ao ler esta notícia, estou certo de que o futuro da minha região passa pelo dito aeroporto.

É que, enquanto nos outros aeroportos se verifica um decréscimo do número de passageiros, o aeroporto de Beja registou, durante o mês de Abril de 2012, 1015 passageiros,mais 395 por cento que no mesmo mês do ano passado.

Sim, leram bem: Mais 395 por cento.

É obra, não é?


tiro de João Espinho
tiro único | comentar | ver comentários (10) | gosto pois!

Sexta-feira, 13 de Abril de 2012
por João Espinho

Na minha cidade discutem-se medalhas e outras honrarias.

 

Por um lado é a rapaziada do PCP que ainda sofre a azia da derrota das últimas autárquicas.  Por outro é a incapacidade do PS em gerar consensos.

Não se pode arranjar por aí uma comenda para estes autarcas? É que eles merecem ser comendadores de uma qualquer DesOrdem.

 

tags: , ,

tiro de João Espinho
tiro único | comentar | gosto pois!

Terça-feira, 28 de Fevereiro de 2012
por João Espinho

O PS do Baixo Alentejo (Pita Ameixa) anda a protestar contra as recentes nomeações para a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Alentejo, afirmando que as recentes nomeações não contemplam  pessoal do baixo-alentejo.  O PS alentejano (do Baixo) não se preocupa com o mérito dos nomeados. Deve ser por isso que avança com o seguinte disparate, neste caso relativamente às nomeações para a EDIA: "os socialistas de Beja criticam igualmente a nomeação de João Basto para a presidência da EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva, considerando que este não possui no currículo "qualquer ligação ao projecto, qualquer conhecimento da empresa ou da obra, nem nenhuma ligação à região". Ora,  basta recordar que o anterior Presidente da Administração da EDIA, Henrique Troncho, nomeado pelo PS,  tinha um vastíssimo currículo ligado  a Alqueva, adquirido principalmente durante o tempo em que foi governador Civil de Évora, durante o tempo em que fez  carreira  nos serviços da Segurança Social daquele distrito alentejano ou, quem sabe, quando andou a cursar sociologia que, como se sabe, é um curso muito intimamente ligado ao regadio e aos recursos hídricos  do  Alentejo.  É lamentável que o PS tenha memória curta e ande a fazer o papel de "virgem ofendida" , quando se sabe o que foram as nomeações durante os desgovernos de Sócrates & Cª.....

 

Exemplo de uma administração socialista:

 

 

tags: , , ,

tiro de João Espinho
tiro único | comentar | gosto pois!

Terça-feira, 8 de Novembro de 2011
por João Espinho
 

Foi um Domingo diferente naquele aeroporto de que todos falam mas poucos conhecem. Os passageiros eram todos alemães. Cerca de 150.

Aproveitando as más condições do terminal de Faro, Beja foi a opção. Uma verdadeira azáfama. Esgotadas as 6 empadas e a dúzia de papo-secos para as sandes, o bar do terminal de Beja esgotou-se em cerveja. Coisa que, como sabemos, os alemães muito apreciam.

Ouvidos os forasteiros, a maior parte achou piada a ter um aeroporto "só para nós". Sem filas de espera no check-in, sem stresses, sem nada.

Foi esse lamento que ouvi da boca de um dos passageiros (ver video).

O aeroporto de Beja tem outras curiosidades: não há correrias, não há voos cancelados ou com atrasos, não há altifalantes a debitarem "Passengers to flight ....". No caso de Beja foi interessante ouvir um alemão gritar "Stuuuuuttgart", substituíndo as habituais vozes monocórdicas das hospedeiras de terra, indicando o caminho de regresso a casa.

O aeroporto de Beja é uma coisa diferente. Merece uma visita. De preferência num dia que tenha voo programado. Vão ver como é bom estar-se no Alentejo. 

tags:

tiro de João Espinho
tiro único | comentar | ver comentários (5) | gosto pois!

Sábado, 5 de Novembro de 2011
por João Espinho

 

O PCP é um partido muito bem organizado. Nas suas diversificadas estruturas internas existe a célula (nas empresas, nos locais de trabalho) - uma das organizações de base do Partido -  pois "é a partir dos locais de trabalho, das questões concretas e dos problemas concretos que fundamentalmente se esclarece e mobiliza, que se evidencia a coincidência estratégica entre os interesses nevrálgicos do capital, dos partidos de direita e do PS, que se despertam consciências, libertam energias de luta e de combate".
Na Câmara Municipal de Beja existe uma célula comunista que, de acordo com as notícias, se reúne hoje em Assembleia Geral sob o lema “Uma célula mais forte, um Partido mais forte”.

Tudo isto é normal e faz parte do exercício da cidadania.

O que é estranho é que, tendo o PCP dominado a CM de Beja até há 2 anos, nunca se tenha ouvido falar da célula nem tão pouco, ao longo de mais de três décadas, se tenha lido uma nota de imprensa daquela estrutura comunista. Será que só agora, que o PCP está na oposição, terão os trabalhadores comunistas do município bejense o direito a "despertar consciências, a libertar energias de luta e de combate"?

Onde é que andaram estas consciências durante mais de 30 anos? 

tags: ,

tiro de João Espinho
tiro único | comentar | ver comentários (15) | gosto pois!


Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
15 comentários
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds