Segunda-feira, 10 de Junho de 2013
por Carlos Faria

Por vezes olho à minha volta e sinto-me que remo contra a maré, este artigo talvez seja um deles.

Efetivamente nada tenho contra Dilma Rousseff, lembro-me que no passado se falava da necessidade de comprar dívida de Portugal para salvar o nosso Estado, parece que a Presidente do Brasil se escudou então na impossibilidade constitucional daquele País para implementar tal feito em favor dos lusitanos e não ouvi que tivesse movido qualquer cordelinho para alterar tal situação.

Após isso, tenho ouvido pontualmente algumas declarações de amizade da Presidente do Brasil em relação a Portugal, mas sobre passos concretos e efetivos na realidade não me recordo de ter dado algum.

Na atual visita mantiveram-se as cordiais saudações, cumprimentos e declarações de amizade, mas mesmo lendo este artigo nada de concreto ficou efetivamente feito para ajudar Portugal.

Mantenho a minha opinião: relativamente a Portugal Dilma Rousseff  parece um bluff, faz política diplomática para defender o seu Brasil, fala de nós com carinho, mas estender a mão é coisa que não parece fazer. Só o facto de ser de esquerda, falar contra a troika e haver outros interesses empresariais nacionais lhe permite dizer coisas ocas inconsequentes e não haver discursos críticos contra ela a partir das forças políticas lusitanas. Com amigos destes penso que nunca nos levantaríamos, uma videira só com parra e nenhuma uva para Portugal… Estarei errado?


tiro de Carlos Faria
tiro único | comentar | ver comentários (12) | gosto pois!


Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds