Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Forte Apache

Caro Francisco José Viegas,

Fernando Moreira de Sá, 14.02.13

Como concordo com este post, meu caro. Como concordo.

 

Apenas um reparo, dada a possibilidade de o(a) fiscal de serviço ficar agradado(a) com a proposta, penso que seria preferível outro castigo. Não sei, talvez....bem....deixa lá. 

 

Uma coisa é certa, estou para ver a malta das finanças a perguntar pela facturinha à saída do café no Lagarteiro. Isso sim, era ter tomates!

Perspectivas & realidades

Pedro Correia, 24.01.13

«A verdade é que o défice, sendo inferior a 5%, face às previsões que eu própria disse aqui, que estava à espera de um défice real de 6%, sabe-se agora que se ficará pelos 5%...»

Constança Cunha e Sá, TVI 24

 

«Eu, que escrevi várias vezes que seria quase impossível que Portugal regressasse aos mercados em 2013, reconheço sem qualquer problema que com estas regras Portugal está em condições de o fazer. Mais relevante, a estratégia negocial de Vítor Gaspar foi a correcta, sobretudo nos prazos em que jogou as suas cartas.»

Ricardo Costa, Expresso on line

Drácula dos Impostos

Francisco Castelo Branco, 05.10.12
Ontem estava a falar com um amigo meu. Falámos de tudo e mais alguma coisa.
No fim, ao pagar o café, ele virou-se e disse "lá vai mais uns trocos para o Ministro das Finanças."
E eu logo pensei:"Bem, o Ministro das Finanças deve ser o homem mais detestado do país". 
Não me refiro a este Ministro das Finanças em particular, mas à figura em si. De facto, ele é sem duvida o alvo de "ódio" por parte de todos os portugueses, na hora de pagar impostos e quando há despedimentos.

O Ministro das Finanças é a unica figura consensual que os portugueses escolhiam para expulsar do país. Se estivesse na Casa dos Segredos, quem expulsava? Era o Ministro das Finanças...

Era dificil governar um país sem um Ministro das Finanças, pois sem ele não seria possivel ter as contas equilibradas, os impostos para se poder pagar auto-estradas, hospitais, estádios de futebol...

Todos se queixem diariamente desta personagem, da mais pequena criança ao idoso.

Que fazer? Eliminá-lo? Também têm pesadelos com o Ministro das Finanças? Ele é uma espécie de Drácula dos Impostos.....

É sempre bom relembrar

Alexandre Poço, 11.08.12

Agora que a discussão sobre o Orçamento do Estado para o próximo ano começa a fazer parte da agenda pública, nunca é demais relembrar que... "There is no such thing as 'public money', there is only taxpayer's money". Devia ser obrigatório rodar este excerto do discurso da Baronesa Thatcher no Parlamento.