Quinta-feira, 11 de Abril de 2013
por Alexandre Poço

Ainda não descobriram ligações à ditadura argentina, ao apartheid ou ao nazismo dos dois novos ministros. Vá lá, vocês conseguem!


tiro de Alexandre Poço
tiro único | comentar | ver comentários (1) | gosto pois!

Quarta-feira, 31 de Outubro de 2012
por Francisco Castelo Branco

Agora que o OE para o próximo ano vai ser entregue, contam-se os dias para saber quando o governo vai fazer a tão desejada remodelação. No próximo ano o governo tem dois grandes desafios pela frente. O primeiro será recuperar, ainda que timidamente, a economia e mostrar os primeiros resultados positivos da sua política económica e financeira. Sob escrutínio estará Passos Coelho mas também Vitor Gaspar, já que este OE tem muito o dedo do actual Ministro das Finanças. O segundo desafio do governo serão as eleições autárquicas. E estas poderão correr mal ou bem conforme a situação económica de Portugal. No entanto, ganhar as autárquicas poderá não significar ter o maior número de câmaras ou mais votos, até porque o PS não está com grande força. Para o Governo, vencer as eleições locais será eleger Menezes no Porto e reeleger alguns autarcas que presidem à maiores câmaras do país. 

A remodelação será necessária e urgente caso estes dois objectivos do governo falhem. No entanto, se este OE não for eficaz, pode cair o governo todo. Para ganhar um novo fòlego, Passos Coelho tem de enfrentar os dois ultimos anos da sua governação com novo ânimo e novos ministros, até porque se as coisas correrem bem, o povo dar-lhe-à um novo voto de confiança. Apesar da remodelação ser pedida e comentada por todos, Passos Coelho não parece ser PM para mudar de caras facilmente. E a ter que substituir alguns dos seus ministros, terá de abdicar de algum dos seus braços direitos. Ora, se sair algum dos ministros mais próximos de Passos Coelho; Relvas e Gaspar, o PM vai-se sentir mais frágil. Tanto Relvas como Gaspar são fundamentais neste executivo. Além do mais, Passos Coelho veio a público defender o seu ministro dos assuntos parlamentares em várias questões. Demitir Relvas não seria um erro em termos estratégicos? Quanto a Gaspar já sabemos que tem liberdade para fazer o que quiser às contas do país....

Esta questão da remodelação não é fácil, já que em causa estão os principais ministros que suportam e controlam este governo, bem como a manter o CDS calmo e obediente. 

Acredito que Passos Coelho vai a jogo com estes até ao fim. Seja em 2015 ou antes....


tiro de Francisco Castelo Branco
tiro único | comentar | gosto pois!

Segunda-feira, 29 de Outubro de 2012
por Rodrigo Saraiva

Judite, nem rímel, nem blush, lápis ou batom. Foi feito o que tinha mesmo de ser feito num momento em que decorre o processo de orçamento do estado.

Li/ouvi algumas vozes escreverem/dizerem que isto era sinal que não haveria mais mudanças ou uma remodelação, pois podia ter sido aproveitada a oportunidade da saída do Secretário de Estado da Cultura. Eu vejo exactamente o contrário. Se o Primeiro-ministro tivesse apenas mais algumas (poucas) mudanças em mente, teria sido agora. Mas como a remodelação deve ser profunda, envolvendo orgânica e pessoas, só depois do orçamento do estado resolvido. Confio é que seja mesmo logo a seguir e não, como alguma imprensa deste fim-de-semana cogitava, só em 2013 e possivelmente no final do ano.


tiro de Rodrigo Saraiva
tiro único | comentar | ver comentários (6) | gosto pois!

Sábado, 27 de Outubro de 2012
por Judite França

O Rodrigo acredita que este é o momento para remodelação, e acredita nas virtudes dessa operação ministerial, que deve ser funda e não apenas de «cosméstica». Estou na dúvida: esta micro-mudança de secretários de Estado não configura rímel sequer, não, Rodrigo?




tiro de Judite França
tiro único | comentar | gosto pois!

Domingo, 23 de Setembro de 2012
por Rodrigo Saraiva

O que me permite defender uma remodelação governamental. É que se fosse membro do Governo remetia-me ao silêncio. O que impõe não passar sentimentos ao ouvido a jornalistas. Acho que lhe chamam solidariedade e sentido de estado.

 


tiro de Rodrigo Saraiva
tiro único | comentar | gosto pois!

Terça-feira, 6 de Março de 2012
por jfd

A orgia e satisfação que se passam pela TV, rádio e jornais por terem mais um assunto em que falar e opinar, convidando todo e mais algum perito em tudo e mais alguma coisa a opinar, só demonstra que de facto este Governo está no caminho certo. Quando o assunto do dia é este, perante tanto esforço, trabalho e urgência que nos rodeia, só me apetece questionar onde estará o tino desta gente.


tiro de jfd
tiro único | comentar | ver comentários (2) | gosto pois!


Regimento
outras cavalarias
tiros recentes
tiros mais comentados
cofre
tags
Arregimentados
Subscrever feeds